Moraes ameaça caçar mandato de parlamentar que falar em fraude nas urnas

direitaonline



Em entrevista à Revisto IstoÉ, a mesma que o declarou “Brasileiro do Ano”, Alexandre de Moraes declarou que a Corte irá considerar como crime a afirmação sem provas de que há fraude nas urnas eletrônicas. A fala foi feita em entrevista publicada nesta quarta-feira (22) pela publicação.

Aqueles que atentarem contra as urnas eletrônicas e que afirmarem, sem provas, que há fraude nas eleições, estarão praticando crime”, declarou.

Moraes lembrou que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) votou, no fim de outubro, pela cassação do mandato do deputado estadual do Paraná Fernando Francischini (PSL). A corte julgou que o deputado promoveu “disseminação de notícias falsas” sobre fraudes nas urnas durante as eleições de 2018.

Moraes disse que a decisão do TSE é o suficiente para firmar jurisprudência “de que isso é motivo para cassação de mandato. Então, aqueles que repetirem essa conduta em 2022 também terão seus mandatos cassados”.

Clique aqui para ler a entrevista de Alexandre de Moraes na íntegra na revista IstoÉ.

E veja também: líder de pesquisa em corrida para o Senado, Luciano Hang pode ter direitos políticos suspensos. Clique aqui para ler a reportagem na íntegra.

Nosso canal no Whatsapp. Entre!
https://chat.whatsapp.com/BW01tKlnt0Y7oxkuWnIotD

Gostou? Compartilhe!
Next Post

Letícia Sabatella deixa Globo após 30 anos

Aconteceu de novo! Nesta quinta-feira (23) saiu a informação que a atriz Letícia Sabatella, uma das grandes críticas do governo do presidente Jair Bolsonaro, está deixando a emissora após 3 décadas de contrato. O mais curioso é que Sabatella, 50 anos de idade, ainda está em cartaz na novela das […]